O combustível da alma!

"A força mais potente do universo é a fé." - (Madre Teresa de Calcutá)


Já fui extremamente corajosa, daquelas que carregam uma fé inabalável.


Sempre acreditei que a coragem está muito ligada à fé. Não me refiro apenas à fé religiosa, mas à fé naquilo que você quer e pelo que luta.


Sempre que queria muito alguma coisa, pedia aos céus e em pouco tempo era atendida, só agora sou capaz de perceber o quão pouco era esse tempo, pois antes me parecia uma eternidade. Nunca refleti sobre o quanto essa capacidade de pedir e receber era maravilhosa, até notar que infelizmente, nem todas as pessoas a possuíam.


Muitas vezes em conversas com colegas, eles me perguntavam “como você conseguiu tal oportunidade?”, eu, muito naturalmente, respondia “pedi aos céus, e ele me deu”. Alguns me olhavam surpresos e outros pareciam confusos com a resposta.


Quando pensamos em fé, inevitavelmente pensamos em religião, doutrina e santidades. E claro que, para muitas pessoas, também está relacionado a isso. Mas a fé se apresenta a nós e trabalha em nossa vida por si só. Ela é a força que nos impede de desistir quando as coisas parecem difíceis demais, até mesmo quando perdemos alguém que amamos ou nos falta o necessário (material ou espiritualmente) para vivermos com dignidade.


A fé é acreditar sem ter provas. É a luta da carne contra sua essência e tudo aquilo que faz você ser apenas você mesmo. O poder da fé não está no outro e sim em nós mesmos.

A fé melhora nossa autoestima. Quando acreditamos que o melhor está por vir, não aceitamos menos da vida. Mesmo que pareça, não é arrogância, é o amor próprio e pelo universo inteiro que existe dentro da gente. Você, eu e ele não merecemos nada menos que o melhor.


Isso me lembra dos conceitos básicos da PNL (Programação Neurolinguística) praticada por muitas pessoas influentes. Um dos conceitos ressalta a importância da crença. É preciso crer para alcançar, pois a mente trabalha em prol do que acredita ser possível. Se você crê e coloca sua fé no seu propósito, as chances de alcançá-lo se tornam maiores, o mesmo ocorre ao contrário, se acreditar que não conseguirá, as chances de falhar também serão maiores.


“Quer você acredite que possa ou não realizar algo, das duas maneiras você está certo”. (Henry Ford)

Confesso que passei por muitas coisas que enfraqueceram a minha fé, momentos que me diminuíram ou colocaram em dúvida a minha resiliência, mas tenho trabalhado dia após dia para fortalecê-la novamente. Como tudo na vida, a fé é treino. Isso mesmo que você leu! Fé é exercício, é treino.


Desde pequena fui ensinada pela minha avó Maria, a orar. Oração é um treino para a alma, e consequentemente para a fé. Ela dizia todas as noites “Ora minha filha, e diga tudo que aconteceu no seu dia, de bom e ruim, e o que o seu coração deseja. Mas acredita em cada palavra”. Aqui acho importante frisar que a fé independe de sua religião. A oração é apenas um diálogo entre você, seu interior e o universo todo. A oração é você renovando suas energias e tirando o peso que sua alma carrega. O sofrimento, a renúncia, o medo, as provações pesam na alma.


Assim como treinamos nossos músculos por horas para torná-los mais fortes, precisamos treinar a nossa fé para que ela consiga sustentar o peso de viver em plenitude (com os dias bons e ruins).


Então eu te convido a crer no que muitos pensam ser improvável. Te convido a redescobrir sua fé junto comigo, pois também estou redescobrindo a minha. Tudo que você desejar, basta pedir. Pode ser que não receba exatamente o que pediu, mas vai receber exatamente o que precisa, melhor do que sonhou e feito especialmente para você.


Que minha coragem seja maior que meu medo e que minha força seja tão grande quanto a minha fé.




0 comentário

Posts recentes

Ver tudo